Posted by webmaster Artigo

O que verificar na manutenção preventiva do seu carro?

O que verificar na manutenção preventiva do seu carro

Para aumentar a vida útil de um automóvel, é necessário prevenir danos. Quando o veículo é bem cuidado e as revisões são feitas com frequência, os problemas se tornam mais difíceis de acontecer, poupando o dono de grandes dores de cabeça no futuro.

No post de hoje, mostraremos 7 detalhes importantes para se observar ao fazer a manutenção preventiva do seu carro. Confira:

1. Verifique os freios

Os freios de um veículo são fundamentais para garantir a segurança dos ocupantes do carro. Verifique se os pedais estão duros ou macios demais ou se eles vibram quando acionados.

Tais sintomas podem significar que as pastilhas estão desgastadas ou que o disco de freio possa estar empenado. Uma dica importante ao fazer a manutenção dos freios é solicitar o ajuste do freio de estacionamento do veículo.

2. Óleo do motor

Verifique o nível do óleo que está no reservatório por meio da vareta indicadora. Sempre observe a quantidade de óleo disponível quando o motor do carro estiver frio, já que a consistência do óleo se altera quando aquecido.

Ao realizar as trocas periódicas, em média a cada 6 mil quilômetros, utilize sempre a mesma marca e a mesma especificação para evitar que o óleo forme borras no motor e comprometa o desempenho do carro.

3. Reservatório de água

Ao dirigir monitore o marcador de temperatura da água do motor. Confira sob o capô o nível do reservatório e complete a quantidade quando necessário.

Fique atento às mangueiras, observando se elas apresentam algum tipo de furo, bem como o radiador, que deve ser monitorado a cada 30 mil quilômetros. A água é fundamental para controlar o aquecimento do motor, resfriando o bloco e o cabeçote.

4. Filtro de ar e de combustível

Importantes para o sistema de alimentação do motor, os filtros possuem elementos que contribuem para eliminar possíveis impurezas que possam entrar na mistura da combustão.

Ambos os filtros têm baixo valor de aquisição e podem ser facilmente substituídos numa oficina mecânica. O recomendado é que o filtro de ar seja substituído numa troca de óleo, enquanto o filtro de combustível pode ser trocado em média a cada 10 mil quilômetros.

5. O que fazer com as velas?

Os principais sintomas de que as velas podem estar com problemas dizem respeito à dificuldade ao dar a partida, perda de potência e falhas de aceleração. Ao realizar a manutenção das velas, verifique também o estado dos cabos.

Quando danificados, eles dificultam a passagem da corrente elétrica que chega às velas. A troca das velas varia entre 30 mil e 40 mil quilômetros.

6. Observe as correias

É possível encontrar as correias em diversas partes do carro que estão sob capô. No motor, no ar-condicionado, do alternador, da direção, entre outras. Por isso, sempre que solicitar uma manutenção no veículo, peça para que o mecânico observe o estado delas.

As correias podem apresentar rachaduras, que indicam ressecamento e desgaste da peça. Algumas chegam a diminuir a espessura, e quando alguma se rompe, a peça que ela move pode ser travada.

7. Alinhamento e balanceamento

Com o piso irregular que predomina nas vias brasileiras, a suspensão e a direção do veículo sofrem grande desgaste. O alinhamento do veículo e o balanceamento de rodas é recomendado para ser feito a cada dez mil quilômetros. Os procedimentos também devem ser realizados quando se faz o rodízio de pneus e quando pneus novos são colocados no carro.

Tags: ,

About Author

Write a Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Olá!
Em que posso ajudá-lo?
Powered by
%d blogueiros gostam disto: